Sexta, 17 de Setembro de 2021
37°

Poucas nuvens

Luzilândia - PI

Saúde SAÚDE

Governador Wellington Dias faz entrega de reforma do Hospital Infantil Lucidio Portella

A unidade terá sua capacidade de leitos de unidade de terapia intensiva dobrada, com o registro de 24 leitos.

17/08/2021 às 09h03
Por: Nichollas Castro
Compartilhe:
Governador Wellington Dias faz entrega de reforma do Hospital Infantil Lucidio Portella

Acompanhado do secretário de Estado da Saúde Florentino Neto e do secretário de Estado da Fazenda e coordenador geral do PRO-Piauí Rafael Fonteles, o governador Wellington Dias realizou a entrega das obras de reforma, ampliação e modernização do Hospital Infantil Lucídio Portella. A solenidade aconteceu na manhã desta segunda-feira (16), durante agenda comemorativa ao aniversário de Teresina.

“É um momento de grande alegria porque se trata de um hospital que tem uma história e que recebe uma homenagem feita ao ex-governador Lucídio Portella, ainda na época do governador Hugo Napoleão. Muitas vidas foram salvas aqui e nós sempre tínhamos uma dúvida de fazer um novo hospital ou buscar uma alternativa para o já existente. E aqui sou grato à bancada federal que prontamente nos atendeu, na pessoa da deputada federal Iracema Portella, deputada Rejane Dias, senador Ciro Nogueira, deputada Margarete Coelho e deputado Merlong Solano. Parlamentares que colocaram recursos e foram investidos cerca de R$ 15 milhões de reais para que essa obra pudesse ser realizada”, disse Dias.

As mudanças implementadas vão trazer um novo conceito para a pediatria do Piauí, ampliando a capacidade de atendimento e resolutividade do hospital infantil. As obras, além de garantir uma nova estrutura para a unidade, também ampliarão a capacidade resolutiva do hospital e fornecerão mais conforto e assistência de qualidade para a população, trazendo um novo conceito para a pediatria do Piauí.

“E um presente para Teresina. É muito importante que estejamos aqui neste hospital que tem servido como cabeça de rede para toda a pediatria do Piauí, porque aqui além da assistência, temos também todo um processo de ensino-aprendizagem. Aqui tem um campo de estágio, internato, especialização para os novos profissionais do estado do Piauí, então isso é muito importante. Essa assistência especializada e ao mesmo tempo formação aqui neste centro de medicina”, disse o secretário de Saúde, Florentino Veras.

A unidade terá sua capacidade de leitos de unidade de terapia intensiva dobrada, com o registro de 24 leitos; o hospital também passará a ter 4 salas cirúrgicas ampliando sua capacidade de realização de procedimentos.

“É a reestruturação em toda sua área de funcionamento o que vai dobrar a capacidade de realização de procedimentos e atendimentos. Na parte de tecnologia, teremos uma oferta de serviço para toda rede e é um avanço que vai trazer um benefício para toda pediatria para o estado”, disse Vinicius Nascimento, diretor do Hospital Infantil.

Outras melhorias são a ampliação da rede de urgência e emergência da unidade em vinte leitos e ampliação dos serviços de radiologia ofertados pelo hospital através da rede SUS, com exames de tomografia, raio-x, eletroneuromiografia e ultrassonografia.

O deputado federal Merlong Solano disse que este é um dia especial para Teresina. “Fico feliz em poder contribuir com esta grande ação do Governo do Piauí que é a entrega do Hospital Infantil Lucídio Portela reformado e ampliado. Um hospital que vai atender, com qualidade, a população do Piauí e de parte do Maranhão. Como deputado federal, este ano coloquei dois terços das minhas emendas parlamentares para a saúde, sendo R$ 11, 2 milhões para a compra de ambulâncias e equipamentos; quase R$ 2,9 milhões para as ações de média e alta complexidade, onde inclui R$ 500 mil para este hospital infantil. Além disso, quase R$ 15 milhões para a atenção básica à saúde”, disse o deputado, enfatizando que são recursos que vão melhorar a qualidade do atendimento à população do interior e reduzir filas de espera por cirurgias.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias