Sexta, 17 de Setembro de 2021
37°

Poucas nuvens

Luzilândia - PI

Luzilândia FALTA 2019 E 2020

Recursos da Educação de Luzilândia são bloqueados e merenda escolar não pode ser comprada

Recursos do PNAE, que são utilizados para a compra de merenda escolar também foram bloqueados. A gestão do ex prefeito Ronaldo Gomes não repassou as informações ao Sistema de Informações sobre Orçamentos Públicos em Educação (SIOPE) referente a 2019 e 20

28/06/2021 às 11h02
Por: Nichollas Castro Fonte: Clica Luzilandia
Compartilhe:
Recursos da Educação de Luzilândia são bloqueados e merenda escolar não pode ser comprada

A falta de manutenção do sistema que identifica os gastos da educação por parte da ex gestão do Prefeito Ronaldo Gomes  está ocasionando dificuldades para a atual gestão administrar a pasta. Os recursos da Secretaria Municipal Educação de Luzilândia foram bloqueados nesta terça-feira (22), por falta de informações repassados ao Sistema de Informações sobre Orçamentos Públicos em Educação (SIOPE), referente a 2019 e 2020, culminando assim, no bloqueio nas contas públicas dos programas Caminho da Escola e PNAE, que é utilizado para a compra de merenda escolar.

Em áudio enviado à Super Vale FM, a secretária de educação Laiana Fenelon falou sobre   os bloqueios e as consequência  da negligência com as informações sobre os gastos que deveriam ter sido repassados ao Governo Federal. 

“Hoje nós fomos informados que os repasses da educação do o Governo  Federal como: o Caminho da Escola, que é o repasse para compra de ônibus, reformas e construções e o PNAE que são utilizados para a compra de merenda escolar, todos esses recursos eles estão bloqueados e o motivo é a falta de informações nos anos 2019 e 2020, que fazia parte da gestão passada", informou a Secretaria.

Laiana Fenelon ainda lamentou o fato e desabafou que as falhas da gestão da educação do governo passado estão atrapalhando o seu trabalho. "Fica aqui a nossa revolta, porque infelizmente isso está atrapalhando a nossa administração e, por conta disso queríamos informar aos pais que a merenda escolar ainda não foi comprada porque todos os recursos estão bloqueados”, disse  a Secretária.

A entrega do primeiro kit da merenda escolar a todos os alunos matriculados foi feita em meados do mês de abril. A compra foi realizada com o repasse referente a três meses. Segundo Laiana, a Secretaria estava se preparando para a compra do segundo kit da merenda, quando as contas foram bloqueadas.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias